Professora de colégio estadual morre com Covid-19 em Goiânia

 

Foto: Reprodução/Instagram

A professora Eva da Silva Assunção, ex-diretora do Colégio Estadual Edmundo Rocha, em Goiânia, faleceu no domingo (28), vítima da Covid-19. Em razão da morte dela, a escola decretou luto oficial nesta segunda-feira (1º) e suspendeu todas as atividades.

O colégio fica na Avenida Leopoldo de Bulhões, no Setor Vera Cruz II. De acordo com a Secretaria Estadual de Educação (Seduc), Eva foi gestora da unidade escolar por diversas vezes, sendo a última passagem pela direção da unidade entre 2010 e 2015.

A professora foi diagnosticada com Covid-19 no dia 15 de fevereiro e foi internada no dia 19, no Hospital Ruy Azeredo, em Goiânia. Um dia após a internação, Eva teve de ser entubada devido a uma piora no quadro clínico.

Segundo a Seduc, ela foi colocada em regime de teletrabalho pela direção da escola uma semana antes de ser diagnosticada com Covid-19, em função de uma tosse. Ainda de acordo com a Secretaria, a servidora começou a apresentar a tosse após uma viagem que realizou para outro estado.

Escola e alunos lamentam morte
Nas redes sociais, a diretoria do colégio, professores e alunos lamentaram a morte de Eva, que dava aulas de história. Em uma publicação, a escola prestou uma homenagem afirmando que a educadora era uma guerreira que venceu o câncer.


“Eva nunca desistiu de nada, sempre correu atrás, venceu o câncer, foi guerreira, foi lutadora foi mulher, mãe, professora, diretora e educadora”, diz um trecho.
Nos comentários, centenas de alunos, pais de estudantes e amigos de Eva deixaram mensagens de pesar.

“Eva Assunção foi minha professora, minha diretora e minha orientadora. Uma mulher incrível que sempre levou o ensino como seu caminho de vida (...). A Covid levou mais uma pessoa muito importante para centenas de alunos que puderam ter o privilégio de chamá-la de professora. A Covid hoje dilacerou mais uma família”, escreveu um aluno.

“Uma notícia terrível para nós que estávamos torcendo por sua recuperação, para ver você voltar para nosso meio, para realizar seus sonhos”, comentou uma aluna.
“Ela foi a inspiração de muitos. Parte da história de muita gente se vai com ela. E seu legado permanecerá sempre”, escreveu uma amiga.

Segundo a Seduc, ainda não há informações sobre o velório. O corpo dela deverá ser cremado, como ela desejava.

Colégio estadual decretou luto oficial e suspendeu atividades em razão de morte de professora por Covid-19, em Goiânia — Foto: Reprodução/Facebook

Colégio estadual decretou luto oficial e suspendeu atividades em razão de morte de professora por Covid-19, em Goiânia.

Fonte: G1