Agronegócio brasileiro bate recorde nas exportações e arrecada mais de US 11 bi em março

 


As exportações do agronegócio do país superaram o valor de US 11,5 bilhões no mês de março. É a primeira vez que as vendas no mercado internacional superam a marca da US 10 bi no mês, desde 1997. Em comparação com o mesmo período de 2020, as exportações de produtos agropecuários tiveram alta de quase 30%. Os dados são do Ministério da Agricultura, Pecuária e abastecimento. 

A soja foi o produto que teve o melhor desempenho nas vendas do mês, com arrecadação superior a US 1,6 bi no mercado internacional. A venda de carnes no exterior também superou US 1,6 bi, alta de 16%, em comparação ao ano passado. Apenas as carnes bovinas lucraram mais de US 710 milhões, em março. A China foi o país que mais comprou carnes do Brasil, no mês passado. 

“Carne bovina deve ter redução do preço em abril”, afirma Ricardo Nissen, assessor técnico da CNA

Desmatamento faz com que municípios da região amazônica liderem a emissão de gases do efeito estufa no País

A venda do açúcar brasileiro no mercado internacional teve aumento de quase 40%, em março, gerando mais de US 630 milhões de receitas. O valor representa cerca de 50% de alta nas vendas, em comparação a março de 2020. 

Por outro lado, as importações do agronegócio brasileiro tiveram aumento de 4,5%, passando de US 1,2 bi, gastos em março de 2020, para US 1,3 bi este ano. 

No mercado interno, a saca de 50 kg do açúcar cristal acumula alta de quase 4%, em abril, sendo comercializada a pouco mais de R$ 108. Já a arroba do boi gordo registra queda no preço de 1% nos últimos 30 dias sendo vendida em São Paulo por R$ 312.  



Fonte: Brasil 61