CANTOR SERTANEJO, MAURÍCIO, DA DUPLA OS FILHOS DE GOIÁS, MORRE DE COVID-19 EM JATAÍ

 


Morreu nesta quinta-feira (1º) o cantor e compositor Orlando Gonçalves de Assis, conhecido como Maurício, da dupla Os Filhos de Goiás. Ele, que tinha 85 anos, estava internado com Covid-19 no Hospital das Clínicas Doutor Serafim de Carvalho, em Jataí, no sudoeste do estado.

Entre os sucessos de Maurício está a música Amor Distante. A canção foi regravada por Chitãozinho e Xororó, Eduardo Costa e Trio Parada Dura.

Segundo a família, ele tinha diabetes e já vinha enfrentando problemas de saúde, sendo internado algumas vezes desde o ano passado. “Ele chegou a ser internado semana passada, mas foi liberado na sexta-feira [26]. Na segunda-feira [29] ele foi internado de novo e morreu nessa madrugada. Os médicos nos falaram que ele testou positivo para Covid-19”, disse o sobrinho, Geneir de Assis Morais

O corpo do cantor foi enterrado na manhã desta quinta-feira no Cemitério São Miguel. Amigos fizeram uma breve homenagem a distância, devido aos protocolos da pandemia, cantando durante o enterro.

Carreira

Maurício fazia parte do trio Os Filhos de Goiás, que começou em 1962. Ele se apresentava com o irmão, Orenci, conhecido como Maurozinho, e Ivone Ferreira Dias, o Voninho.

Após diversos discos lançados, Voninho deixou o grupo em para trabalhar em outros projetos. Os irmãos, então, continuaram se apresentando com a participação de outros músicos por mais alguns anos. Eles chegaram a se reunir novamente em 1994 e 2012, quando gravaram um DVD.




Fonte: G1