Vacinação contra gripe atingiu menos de 2% do público-alvo em uma semana

 


Nem duas em cada 100 pessoas que fazem parte do público-alvo de vacinação contra a gripe receberam a dose na primeira semana de campanha.

De acordo com números registrados pelo Ministério da Saúde, foram aplicadas, até esta segunda-feira, dia 19 de abril, 1 milhão e 400 mil doses do imunizante que protege contra as três principais cepas do vírus influenza que circularam no país no ano passado.

Isso representa 1,8% do público-alvo definido, que está estimado em 79 milhões e 700 mil pessoas.

A campanha nacional de vacinação contra a gripe começou no dia 12 deste mês e vai até 9 de julho.

E foi dividida em 3 etapas.

Nesta primeira fase, a vacina é oferecida a gestantes, mães no pós-parto, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, indígenas e trabalhadores da Saúde

Os idosos, que tradicionalmente são os primeiros a receber a dose, serão vacinados apenas na segunda etapa, que vai de 11 de maio a 8 de junho. É que eles estão sendo vacinados contra a Covid em todo o país e o Ministério não recomenda que as duas doses sejam administradas ao mesmo tempo.

Até agora, a região que mais vacinou contra a gripe foi o Sudeste, com 607 mil doses aplicadas e a que menos doses aplicou foi o Norte, com cerca de 50 mil pessoas imunizadas em uma semana.